segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Um exército enterrado, onde descobrimos soldados da eternidade


Vista geral do fosso No. 1 no Museu de Xi'an 


1974 China. 

Um soldado de terracota é encontrado, com uma arma em sua mão. Ao escavar bem ao lado, aparece um soldado  quase idêntico. 

Os arqueólogos começaram as escavações e descobrem um enorme complexo. Quase 7.000 soldados de tamanho real são encontrados. Um exército de detritos? soldados aprisionados pela lava?



Detalhe de uma parte do exército enterrado 

Oito fossos são explorados e gradualmente revelam seus segredos. Eles cercam o complexo funerário do primeiro imperador da China, Qin Shi Huang.  E este, na verdade, manda fazer uma reconstrução da guarda do imperador em tamanho real! 

No fosso # 1, o mais importante, com 6.000 soldados da infantaria, armeiros, cavalariça e arqueiros são organizados em uma ordem muito específica em 11 fileiras.



Detalhe de cavalos 


Isso foi graças ao trabalho de cerca de 1.000 artesãos que esse exército nasceu! Trabalhando incansavelmente por 30 anos, eles conseguiram fazer com que cada personagem fosse único. Criado inicialmente através de moldes comuns eles foram, então, diferenciados através de penteados, barbas ou narizes diferentes. Além disso, a policromia original, incluindo lenços, utilizados para diferenciar soldados de acordo com a sua hierarquia.



detalhe do Exército 


Mais surpreendente ainda, as armas que os soldados têm são reais. Armas verdadeiras para soldados falsos? Devemos proteger o imperador após a morte. Mas o realismo é aumentado quando, em uma cova com cavalos, os arqueólogos encontraram ... feno!


Novas escavações tiveram lugar recentemente 

Para mais informações:

Sobre o exército : http://www.fondation-vision.ch/visionmedia/article.aspx?id=5818&rdr=true&LangType=1036

Sobre o complexo ShiHuangdhi Qin (Património Mundial): http://whc.unesco.org/fr/list/441/

fonte: artips.fr